25 de jul de 2010

O MARANHÃO CHORA MISÉRIA NAS MARGENS DA BR 226

É Inacreditável o que vem acontecendo há meses nas margens da BR 226, entre os municípios de Grajaú e Barra do Corda. Quem corta a reserva indígena, em direção a Barra do Corda ver um fato repetitivo e ninguém toma providencias.

Índios Guajajaras mendigam nas margens da estrada usando faixas com cordões para pedir dinheiro, as faixas tomam de um lado a outro da BR, e em cada ponta há crianças e ate idosos segurando os cordões para pedir dinheiro. Nossa equipe de reportagens ao se dirigir para a cidade de Jenipapo dos Vieiras ontem dia 24, presenciou de perto o caos. Os índios levantam a faixa quando os veículos vão passando quando o carro para eles pedem dinheiro, alegando não receberem recursos do governo. A TV Mirante de São Luís, já fez uma reportagem no mês de Fevereiro, acompanhando a PRF (Policia Rodoviária Federal), que tomou varias faixas de índios e tentaram fazer com que a cena não se repetisse mais com a saída da PRF a situação continua.

É vergonhoso nenhuma autoridade tomar providencias do caso, motoristas passam por constrangimentos muitos deles tem medo de não dar os centavos exigidos e acabam parando para dar dinheiro aos índios, alimentando mais ainda esse erro praticado por eles, duas reservas fazem este tipo de ação, na primeira cerca de 6 faixas foram contadas, uma com distancia de 7 metros das outras. E em cada uma das faixas crianças e idosos segurando na ponta.

VERGONHA Senhores governantes, o Estado fica com uma imagem linda no restante do País porque muitas pessoas de vários lugares trafegam na BR. Nem mesmo a presença do carro da reportagem intimada os índios, pois eles levantavam as faixas segurando um pouco nossa equipe.

Explicamos que o assunto seria levado até as TVs para que se tomassem providencias, informamos que acionaríamos a PRF novamente, mais os indígenas não se importaram com o anúncio.

Enquanto não se tomam as providencias esta desordem continua nas reservas, ponto os motoristas em maus lenções.

Fonte: realidadenatela blogsport.com

Um comentário:

  1. O indio que vivia na sua simplicidade, tirando o seu sustento da mãe Terra, aprendeu tudo o que não presta e mais alguma coisa do "branco" tido como civilizado. Eles aprenderam que é mais fácil pedir ou cobrar pedágio, do que lutar pelos benefícios do governo garantidos a eles pela "FUNAI" (Será que ainda existe, não faz nada pelos indios).

    ResponderExcluir

SUPERAÇÃO: Estudante com dislexia e paralisia cerebral se forma em história

Nem mesmo o diagnóstico de paralisia cerebral, a baixa visão e a limitação motora impediram que o jovem Luiz Garcia, 30 anos, realizasse o ...